Transmitir transformação: considerações sobre o sentido ético da filosofia e da educação

Autores

  • Diogo Bogéa Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ, Rio de Janeiro, (Brasil)
  • Esdras Guedes da Cruz Silva Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ, Rio de Janeiro, (Brasil)

Palavras-chave:

Filosofia, Ética, Existência

Resumo

Objetivo do trabalho: Investigar a possibilidade de repensar o sentido fundamental da educação para além da dimensão intelectual. Nossa proposta é colocar em primeiro plano o sentido ético da formação humana, isto é, a possibilidade de formação e transformação da postura existencial de cada um.

Método: Levantamento e exploração de questões com o auxílio de bibliografia clássica e atualizada sobre o tema. Nosso problema fundamental é o sentido dos processos educacionais que, segundo nos parece, têm sido reduzidos à sua dimensão intelectual e moral. Nossa hipótese é que podemos investir também em uma dimensão ética dos processos educacionais. Nosso problema situa-se, portanto, na fronteira entre ontologia (ao investigar quem são efetivamente os envolvidos nos processos de formação) e ética, por ter um impacto direto em nossa maneira de ser e estar no mundo. No desenvolvimento do nosso tema, combinamos pesquisa exploratória com pesquisa bibliográfica.

Resultados: Não são mensuráveis objetivamente como em um trabalho de ciências exatas. No nosso caso, o resultado esperado é enriquecer os debates quanto ao sentido dos processos de formação humana.

Contribuição teóricas: O trabalho apresenta as correntes filosóficas existencialismo e estoicismo, correntes tão díspares, de tempos, lugares e contextos tão diferentes, como exemplares daquilo que Pierre Hadot consagrou como sentido ético da Filosofia: a noção de exercícios espirituais. Tomamos essas correntes filosóficas como exemplares para pensarmos também o sentido ético dos processos de formação humana.

Cobclusão: O trabalho vem se somar aos esforços de situar o sentido dos processos de formação para além da dimensão cognitiva, da “aprendizagem” e da imposição de uma moral pré-estabelecida. Procuramos evidenciar que, muito além da transmissão de conteúdos intelectuais, o que está em jogo nos processos educacionais é a possibilidade de formação e transformação de uma trajetória existencial singular.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diogo Bogéa, Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ, Rio de Janeiro, (Brasil)

Doutor em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC, Rio de Janeiro, (Brasil). Professor Adjunto de Filosofia e Psicanálise no Departamento de Estudos da Subjetividade e da Formação Humana da Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ, Rio de Janeiro.

Esdras Guedes da Cruz Silva, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ, Rio de Janeiro, (Brasil)

Graduando em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ, Rio de Janeiro, (Brasil). 

Referências

EPICTETO. O Manual de Epicteto. São Cristóvão: UFSE, 2012.

FAUNDEZ, A. FREIRE, P. Por uma pedagogia da pergunta. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1985.

FREIRE, P. Pedagogia do Oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FOUCAULT, M. A Hermenêutica do Sujeito. São Paulo: Martins Fontes, 2006.

HADOT, Pierre. Exercícios espirituais e filosofia antiga. São Paulo: É Realizações, 2014.

HEIDEGGER, M. Ser e Tempo. Petrópolis: Vozes, 2008.

HEIDEGGER, M. Ser e Tempo. Petrópolis, Vozes, 2012.

HEIDEGGER, M. Introdução à Metafísica. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1999.

SARTRE, J.P. O Existencialismo é um Humanismo. Paraná: Secretaria de Estado da Educação do Paraná, 2009.

SÊNECA. Edificar-se para a morte. Petrópolis: Vozes, 2016.

Downloads

Publicado

2023-08-29

Como Citar

BOGÉA, D.; CRUZ SILVA, E. G. da. Transmitir transformação: considerações sobre o sentido ético da filosofia e da educação. Docent Discunt, Engenheiro coelho (SP), v. 4, p. e01551, 2023. Disponível em: https://unasp.emnuvens.com.br/rdd/article/view/1551. Acesso em: 18 abr. 2024.